Vestibular IFSP

Uma pitada de loucura aumenta o prazer da vida. Veja o caso 110578

Uma pitada de loucura aumenta o prazer da vida. Veja o caso do cinema. Você vai lá, assenta-se e fica vendo um jogo de luzes coloridas projetado em uma tela. Você sabe que aquilo tudo é mentira. E, não obstante, você treme de medo, tem taquicardia, pressão arterial alta, sua de medo, ri, chora... É um surto de loucura. Você está tomando imagens como se fossem realidade. Mas, se você não se entregasse por duas horas a essa loucura, o cinema seria tão emocionante quanto ler uma lista telefônica. Passadas as duas horas, as luzes se acendem, você sai da loucura e caminha solidamente de volta para a realidade.

Quem não está louco é quem desconfia dos seus pensamentos. Sabe que a cabeça é enganosa: sessão de cinema. Nada garante que os pensamentos, aquilo que aparece projetado na tela da consciência, sejam verdade. A razão é desconfiada.

 

Rubem Alves. Sobre o tempo e a eternidade. Campinas: Papirus, 1998 (com adaptações).

Julgue o item seguinte, relativo ao texto acima.

O autor do texto propõe que abandonemos a realidade e transformemos nossa vida em uma verdadeira ficção.

Questão no QuestionsOf: Uma pitada de loucura aumenta o prazer da vida. Veja o caso 110578

Questões similares